Home » » PARTIDA

PARTIDA

Acordou de manha,e sem abrir os olhos,estendeu a mão para o o lado da cama onde deveria estar o corpo de uma mulher...estava vazio,o coração ficou apertado,continuou com os olhos fechados,a tentar ouvir um ruído na casa,o barulho de um prato,o pequeno almoço a ser preparado...nada,um silêncio ensurdecedor,inundava o espaço.Ele sabia no seu íntimo que ela tinha partido,que não ia voltar,e isso doía-lhe tanto que continuava a manter os olhos fechados,queria prolongar o momento,guardar na memoria o som da ultima respiração a dois,ja que no momento só a sua ouvia.Foi deixando-se estar,na cama vazia,de olhos cerrados,e desde aquele dia que  mantém os olhos fechados,na esperança de um dia ao ouvir a voz que perdeu.....e nesse dia vai poder novamente ver.

J.C.


 
Support : Copyright © 2015. pura mente impropria - All Rights Reserved